segunda-feira, 9 de julho de 2018

Olho suas mãos


Foto: Mariana Alves


Olho suas mãos

nas linhas que migraram para as minhas

na noite que virou espelho

no gesto lento

nas palavras que não existem




quando chove penso em você

quando há sol

quando o frio me traz seu rosto

o vento te carrega para mim

para sempre




criamos um mundo

um oceano

um sentido

um porquê sem resposta

uma maneira de existir




um sim que lutou contra todos os nãos

Nenhum comentário: